quarta-feira, 15 de maio de 2013

CEI - Recursos naturais


CEI - Recursos Naturais e Energéticos

Recursos Naturais
O território da CEI é extraordinariamente rico, suprindo as necessidades de seu gigantismo industrial. É dos mais dotados em petróleo, carvão, gás natural, minerais atômicos e recursos hídricos.
Eletricidade - além de possuir enormes hidrelétricas (Volga e rios asiáticos), a eletricidade soviética é gerada por centrais térmicas e usinas átomo-elétricas.
De uma produção de 170 milhões de kw-h em 1956, passou a 915 bilhões de kw-h em 1 973 e a 1690 bilhões em 1979.
Fontes Energéticas
A - Carvão
Em todo o território existem jazimentos carvoeiros. Os mais explorados são os de "DONBASS" (Ucrânia), KUSBASS (Sibéria Ocidental) e KARAGANDA (Kasaquistão). A produção é superior à dos EUA, mas tem havido, como em outros países, preferência pelos hidrocarbonetos: gás natural, petróleo (1º produtor) e linhito (3º produtor).
 B - Petróleo
Foi o 1º produtor desde 1975. É explorado no Cáucaso e mar Cáspio, Urais e Volga e nas ilhas Sakalina. Produz mais de 600 M de toneladas.
A produção caiu cerca de 10% recentemente.
 C - Gás Natural
Extensas explorações em todo o território. A produção, em breve, equivalerá à americana, com a construção do gigantesco gasoduto de URENGÓI - Sibéria - Europa Ocidental, que multiplicará o volume exportado.
A turfa é outro importante recurso energético, além, é claro, da grande produção de energia nuclear. Os minerais atômicos são numerosos: berilio, tório, grafita e urânio. São numerosas as usinas atômicas.
D - Matérias-Primas
A CEI praticamente independe de importações. A grande reserva florestal, a produção agrícola e extensas reservas minerais alimentam sua poderosa indústria, mesmo na indústria química (carvão, petróleo, gás, apatita-fosfatos, sais potássicos, enxofre, etc).
1º produtor mundial de ferro (117 M de t.) de manganês (2,7 M de t.), 3º de ouro (900 000 kg), 3º de cobre (1,1M de t.) de zinco (0,64 M de t.), 1º de níquel (115 000 t.), 3º de chumbo (500 000t.) 2º de alumínio. A bauxita, insuficiente, é complementada pela Hungria. Regiões minerais: Urais, Altai (grande montanha na fronteira chinesa), península de Kola (perto da Noruega), Cáucaso, Ucrânia e kasaquistão, além de regiões siberianas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fico muito agradecido pela sua visita.
Me perdoe não poder responder às suas perguntas.
Se gostou e quiser elogiar ou criticar positivamente, ficarei agradecido e até envaidecido.
Se não gostou, não há necessidade de expor sua ira, frustrações ou ignorância escrevendo grosserias. Simplesmente procure outro material na internet.
Forte abraço!
Prof. Miguel